NOTÍCIAS

Olimpíada Nacional em História do Brasil 11:40, 23 mai 2018 Tocantins tem 53 equipes competindo na Olimpíada Nacional de História

Foto:

Josélia de Lima

Neste ano, 53 equipes formadas por alunos e um professor coordenador estão participando da 10ª Olimpíada Nacional em História do Brasil. Durante esta semana, está sendo realizada a 3ª fase, com uma prova formada por 11 questões e uma tarefa. A 3ª etapa será realizada até o dia 26 de maio.

Para essa fase, foram classificados 9,1 mil alunos de todo o País. No Tocantins, são 150 estudantes que estão nas competições. Estão participando alunos de todos os estados brasileiros do 8º e do 9º ano do ensino fundamental e do ensino médio. São Paulo, Ceará e Minas Gerais são os estados com o maior número de inscritos. Os que foram aprovados na 3ª etapa farão as provas e as tarefas da 4ª etapa, marcada para ocorrer no período de 28 de maio a 2 de junho.

A professora Ana-li Santos Evangelista, que leciona História no Colégio João XXII, em Colinas, está participando com quatro equipes. Ela contou que incentivar os alunos a participarem das olimpíadas representa um enriquecimento para a aprendizagem. “Ter alunos participando das fases da olimpíada ajuda muito na aprendizagem e no interesse pela escola. Para responder às questões, eles precisam saber interpretar e escolher a questão mais adequada e isso requer senso crítico”, contou.

No Centro de Ensino Médio Castelo Branco, localizado em Colinas, são cinco equipes participantes. Para a estudante Eva Silvestre Araújo, da 2ª série do Ensino Médio Integral, realizar as etapas da olimpíada auxilia na aprendizagem. “Participar da olimpíada nos ajuda a buscar novos conhecimentos, a desenvolver a capacidade crítica tanto nas áreas da História quanto nas demais áreas das Ciências Humanas”, frisou.

O diretor do Centro de Ensino Médio Presidente Castelo Branco, Wescley Oliveira, ressaltou a mobilização que está sendo realizada na escola. “A participação de nossos alunos na Olimpíada Nacional de História do Brasil é de suma importância, pois proporciona novas perspectivas em relação ao ensino e à aprendizagem da disciplina, despertando no aluno a capacidade de pesquisa”, esclareceu.

A olimpíada consiste em seis provas on-line, com duração de uma semana cada uma. Cada questão da prova consiste em quatro alternativas, com mais de uma opção correta. A olimpíada também mobiliza temas interdisciplinares, como Geografia e Literatura. A prova final será realizada na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), em Campinas-SP, no dia 18 de agosto, e a solenidade de premiação ocorrerá no dia 19 de agosto. Para a fase final, que será presencial, serão classificadas no mínimo 200 equipes.

A Olimpíada Nacional em História do Brasil é um projeto de extensão da Universidade Estadual de Campinas, desenvolvido pelo Departamento de História.



Tags: história TO Olimpiada Olimpíada Nacional em História do Brasil