NOTÍCIAS

Pará 19:09, 9 nov 2017 Seduc do Pará reconhece bom desempenho de estudantes e educadores no Sispae 2016

Foto:

Mais do que uma festa, o evento chamado de “Reconhecimento do Pacto pela Educação”, promovido pela Secretaria de Estado de Educação (Seduc), na manhã desta quinta-feira (9), para premiar estudantes, educadores e escolas que alcançaram bom desempenho na Prova Sispae (Sistema Paraense de Avaliação Educacional) 2016 foi oportunidade para o Governo do Estado reforçar a constatação do avanço de indicadores globais da educação paraense.

Durante o evento, ocorrido no auditório da Fundação Cultural do Estado do Pará, o governador Simão Jatene revelou que o Sistema Paraense de Avaliação Educacional (SisPAE) será um programa da área da educação garantido por lei. A minuta do projeto já está sendo elaborada pela Procuradoria Geral do Estado (PGE) e, em breve, será encaminhada à Assembleia Legislativa do Estado do Pará (Alepa).

A cerimônia, chamada de “Reconhecimento do Pacto pela Educação” significou atestar, por parte da Seduc, o bom desempenho de alunos, professores, gestores das redes públicas estadual e municipais e dos secretários de educação de vários municípios, no SisPAE de 2016. O Reconhecimento resultou da análise do aproveitamento do teste aplicado em 3.534 escolas estaduais e municipais. Além dos certificados individuais, entregues a cada pessoa que se destacou na prova, nas diferentes categorias, também as escolas com bons resultados receberam os Selos de Certificação do Reconhecimento, uma novidade no evento deste ano.  

Indicadores mostram progressão

A cerimônia teve início com uma apresentação musical dos alunos da Escola Estadual Astério de Campos, referência na educação de surdos no Pará. Em seguida, o professor Evandro Paiva Feio, coordenador do SisPAE, apresentou os dados relativos ao teste do ano passado. Ele disse que entre as 3.534 escolas onde o teste foi aplicado, 814 são da rede estadual, onde foram avaliados cerca de 390 mil alunos.

Os indicadores do Sispae mostraram que, em 2016, mais de 67 mil estudantes saíram do nível abaixo do básico em Língua Portuguesa e mais de 33 mil saíram do mesmo nível em Matemática em relação ao ano anterior. Esses dois números garantem que a proficiência dos estudantes paraenses nessas duas disciplinas, está evoluindo.

“O Sispae está implementado há quatro anos e, hoje, é um instrumento de apoio do Governo e da Secretaria de Educação às secretarias municipais e à gestão das escolas. É um instrumento maduro e é muito importante reconhecer o desempenho dos beneficiários e o esforço que eles tiveram para elevar a qualidade da educação em 2016”, Disse Evandro ao analisar os dados do Sistema.

Aprender mais, um objetivo

A secretária Ana Claudia Serruya Hage reconheceu que a educação paraense ainda precisa melhorar, mas é necessário festejar os avanços que estão sendo obtidos, atestados não apenas pelo Sispae, mas também por outros indicadores, como é o caso do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB), do qual a Prova Brasil é um dos componentes. “O governo do Pará criou, em 2013, o Pacto Pela Educação, e, dentro do Pacto, temos o Programa Pela Melhoria da Qualidade do Ensino, que incluiu a aplicação da prova do Pará, o Sispae, que envolve as escolas estaduais e municipais. E hoje é justamente o dia de fazer o reconhecimento das escolas e a melhoria da aprendizagem dos nossos estudantes entre 2015 e 2016, pois os dados mostram que mais de 100 mil alunos tiveram um desempenho melhor em 2016, nas disciplinas de Língua Portuguesa e Matemática, ou seja, os alunos estão aprendendo mais, o que é o objetivo maior do sistema de ensino”, ressaltou Ana Hage.

Sispae será programa de Estado

O governador Simão Jatene quebrou o protocolo do cerimonial e desceu ao meio da plateia enquanto falava. Ao fazer uma análise política do cenário em que a educação nacional se encontra, Jatene disse que é um desafio não só para o governo, mas para toda sociedade. E isso foi o que justificou criar o Pacto pela Educação.

Ao falar dos avanços que a educação paraense está empreendendo, de acordo com os indicadores já consolidados, o governador anunciou que o Sistema Paraense de Avaliação Educacional (Sispae) será transformado em um programa de governo, para que seja uma ação definitiva e permanente do âmbito da Seduc. “Esse projeto é tão importante que, muito mais do que uma política de governo e de Estado, deve ser, efetivamente, uma política da sociedade”, disse o chefe do Executivo Estadual.

Texto: Elck Oliveira  (Ascom Seduc)

Fotos: Eliseu Dias e Fernando Nobre (Ascom Seduc)

Tags: Pará PA Reconhecimento Educação de Qualidade