NOTÍCIAS

Consed Nordeste 18:14, 24 nov 2015 Secretários estaduais do Nordeste se reúnem com o MEC para discutir políticas educacionais para a região

Manoel Palacios
Foto:

Secretário de Educação Básica, Manoel Palácios, participou do encontro do Consed Nordeste realizado no Recife

Discutir programas com foco específico para a educação básica na Região Nordeste, como o Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa na Região Nordeste (PNAIC Nordeste) e Mais Educação, foi o tema central do encontro promovido pelo Conselho Nacional dos Secretários de Educação – Consed Nordeste, em parceria com a Secretaria de Educação de Pernambuco e o Ministério da Educação (MEC). O evento foi realizado nesta terça-feira (24), no auditório do Mar Hotel, no Recife, e também contou com a participação e contribuições dos dirigentes municipais da União Nacional dos Dirigentes Municipais (Undime) dos Estados participantes. 
Neste contexto, foram debatidas estratégias como gestão e formação de professores tendo como foco especial a realidade dos Estados nordestinos. O encontro permitiu que dirigentes, municipais, secretários e secretárias da educação estadual criassem metas, discutissem e fortalecessem os objetivos a serem atingidos pelo PNAIC Nordeste. Além, da liberação de recursos financeiros, pelo MEC, destinados à impressão de material didático complementar para alfabetização. 
Para o secretário de Educação Básica do MEC, Manoel Palácios, é importante que o Nordeste tenha uma intervenção específica para a melhoria da educação básica. "O governo vem para apoiar um programa de complementação de material para alfabetização, além de melhorar a formação continuada dos professores que atendem esses estudantes. É preciso trabalhar essas missões obtendo um apoio mais efetivo dos Estados", pontua. Ele diz que, cerca de 80% das escolas se qualificam para que tenham um atendimento prioritário, já que o PNAIC é um dos principais programas de apoio da União às escolas do Brasil. 
Já o secretário de Educacao de Pernambuco, Fred Amancio, ressalta que este é um momento de discussão de estratégias e de união de forças entre municípios e Estados, com o apoio do Governo Federal. "É importante definirmos diretrizes para que as propostas apresentadas sejam efetivadas". Ele lembra que não se pode tratar as regiões igualmente. "Cada Estado e cada região tem suas particularidades, é preciso observar suas características e passar a tratá-las mediante seus desafios para se obter êxito", finaliza. 
O vice-presidente do Consed da Região Nordeste e secretário de Educação da Bahia, Oswaldo Barreto, explica que essa reunião surge sobre uma necessidade em que o Governo Federal via MEC, considere as necessidades da região ao definir políticas educacionais para o País, já que os indicadores apontam esses problemas. "Além de precisamos de um apoio do MEC, precisamos também de um apoio dos Estados, para que as políticas propostas venham acelerar e melhorar o processo educacional nos Estados nordestinos”, destaca. 
Também participaram das discussões os seguintes secretários estaduais de Educação: Luciano Barbosa (AL); Maurício Holanda (CE); Áurea Regina dos Prazeres (MA); Aléssio Trindade de Barros (PB); Francisco das Chagas Fernandes (RN) e Jorge Carvalho (SE), além dos dirigentes municipais da Undime. São eles: Geraldo Costa (MA); Regivaldo Freire (CE); Gelcivânia Mota Silva (BA); Jeane Dantas (RN); Amarides Dias (PB) e Horácio Francisco dos Reis Filho, secretário municipal de Educação de Goiana e dirigente da Undime (PE).

Tags: Reunião Pernambuco PE Secretários Consed Nordeste