NOTÍCIAS

Mato Grosso do Sul 21:50, 19 jun 2019 Secretário de Educação Básica do MEC visita escolas de Ensino Médio em Tempo Integral de Campo Grande/MS

Secretário de Educação Básica do MEC visita escolas de Ensino Médio em Tempo Integral de Campo Grande/MS

Durante o dia, chefe da pasta conversou com estudantes, dialogou com diretores escolares e ouviu reivindicações e relatos de professores. Destaque ficou para a importância da formação continuada.

Campo Grande (MS) – Um dia repleto de conversas, trocas de experiências e de muito aprendizado. Nesta quarta-feira (19.06), três escolas da Rede Estadual de Ensino (REE), em Campo Grande/MS, que trabalham com a oferta do Ensino Médio em Tempo Integral (EMTI), contaram com a visita do secretário de Educação Básica do Ministério da Educação (MEC), Janio Carlos Endo Macedo. Entre as visitas, o representante do MEC também se encontrou com o governador do Estado de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja.

Ao lado da presidente do Consed e titular da SED/MS, professora Cecilia Motta, o secretário iniciou o roteiro de visitas na EE prof. Severino de Queiroz. Como parte da programação da escola, os estudantes realizaram a “feira de eletivas”, com apresentações das disciplinas escolhidas ainda no início do semestre. Na sequência, a direção da unidade promoveu uma roda de conversa entre secretários e alunos, com diversas perguntas e curiosidades levantadas pelos participantes.

Após cerca de 30 minutos de conversa, o secretário do MEC falou sobre a importância do protagonismo para os estudantes, com ênfase no trabalho dos professores. “Ajudar o aluno, para uma melhora no ensino, é uma responsabilidade de todos nós e, para isso, o professor também precisa corresponder. Se ele não atende, vamos buscar a formação continuada. (...) Aqui, nós vemos que essa preocupação é constante e isso faz toda a diferença”, salientou.

Na segunda escola visitada – EE prof. Emygdio Campos Widal – o destaque ficou para o diálogo com os diretores das unidades que integram o programa Escola da Autoria, responsável pela oferta do Ensino Médio em Tempo Integral (EMTI). Na abertura da conversa, Cecilia destacou o intenso trabalho realizado não apenas em Mato Grosso do Sul, mas também junto ao Conselho Nacional dos Secretários de Educação (Consed).

“Nos últimos anos, nossa atuação resultou na junção entre Consed, Undime e diversas entidades, com o foco voltado para o desenvolvimento da Educação Básica e o Ensino Médio em Tempo Integral sempre foi um assunto recorrente nas nossas pautas”, salientou a presidente do Consed e secretária de Estado de Educação de MS.

Entre os pontos levantados pelos gestores presentes na reunião, que contou com a presença de três estudantes da REE, foram apontadas questões envolvendo a eleição de novos diretores, processos de avaliação e formação continuada, além de opiniões sobre os investimentos voltados para o fomento do Ensino Médio em Tempo Integral.

“Cabe ao MEC ser um agente que colabore com todos vocês [diretores] e trabalhamos para isso. (...) Importante salientar que o Brasil possui recursos para dar sequência nos investimentos necessários, mas sabemos – também – que eles precisam ser adequadamente aplicados para obter os resultados almejados e essa é uma preocupação ‘chave’ do nosso governo”, destacou Janio.

Na EE Waldemir Barros da Silva, última parada do dia, a comitiva – formada também pela equipe da SED – assistiu duas apresentações de trabalhos desenvolvidos pelos estudantes das turmas do terceiro ano, com temáticas voltadas para a disciplina de Matemática. Ainda na escola, o encerramento das atividades se deu em um encontro com os professores, que também falaram a respeito dos processos avaliativos, além da importância da sequência nos estudos como rotina e planejamento por área, organização essa já adotada pela escola.

Assunto tão comentado nas três escolas, a formação dos professores também voltou à pauta. Durante a conversa, o secretário de Educação Básica do MEC falou sobre a preocupação do Ministério com a questão. “Para nós [MEC], a formação continuada dos professores, bem como a formação curricular que está ocorrendo em MS, é fundamental. É um pilar. Não podemos pensar em educação sem pensar em vocês [professores]. Essa é uma preocupação do Estado, sabemos disso, mas também cabe à nós – no Governo Federal – a busca por formas de estimular e fomentar esse movimento. Estamos atentos a isso”, disse Janio.

Por fim, ao lado da secretária Cecilia, o representante do ministério deixou uma mensagem para os profissionais presentes, além da promessa de levar adiante as questões levantadas durante as atividades do dia. “Tenham perseverança. É importante que vocês sigam desempenhando esse trabalho e que nos tragam o retorno necessário para que possamos entender as necessidades. Esse retorno é fundamental para que também sejamos capazes de auxiliar todos vocês na execução das atividades dentro da escola”, finalizou.


Tags: Mato Grosso do Sul MS