NOTÍCIAS

Sergipe 17:08, 11 nov 2020 Secretaria de Educação dialoga sobre Plano de Implementação do Novo Ensino Médio

José Ricardo de Santana
Foto:

Atualmente, 39 escolas-piloto da rede estadual de ensino já fazem parte, sendo quatro delas do Ensino Médio em Tempo Integral.

A Secretaria de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura (Seduc), por meio da Superintendência Executiva, promoveu, na manhã desta terça-feira, 10, uma reunião online para dialogar sobre a construção do Plano de Implementação do Novo Ensino Médio. O encontro virtual aconteceu por meio da plataforma Google Meet e contou com a participação do secretário de Estado da Educação, do Esporte e da Cultura, professor Josué Modesto dos Passos Subrinho; do superintendente executivo da Seduc, professor José Ricardo de Santana; do presidente do Conselho Estadual de Educação, João Bosco Argolo Delfino, entre outros membros do Comitê do Novo Ensino Médio.

O secretário Josué Modesto agradeceu o apoio das instituições parceiras que estão auxiliando a Seduc na construção do plano e falou sobre as expectativas para a implementação. “Nós temos que implementar o Novo Ensino Médio. Isto é fato. E implementar algo novo sempre traz riscos. A mudança é necessária, e nós temos que começar e nos aperfeiçoar, dando passos seguros. É imprescindível que haja a modernização, tanto no formato quanto na gestão, e nós precisamos dar um suporte ágil às escolas”, disse.

Já o superintendente José Ricardo destacou o trabalho realizado pelas instituições parceiras juntamente com a Seduc. “A gente agradece à Fundação Itaú, Instituto Sonho Grande e a Peers Consulting pelo trabalho intenso que têm feito com os técnicos da Secretaria de Educação. Temos parceiros que nos dão o maior apoio técnico, mas temos também um envolvimento muito grande da equipe da Seduc. Esse trabalho em conjunto só vem a fortalecer e dar coesão a essa nossa construção”, afirmou.

Plano de implementação

A apresentação do Plano de implementação do Novo Ensino Médio foi feita pela coordenadora do Semed, Isabella Silva dos Santos, que iniciou mostrando um histórico das ações realizadas desde o ano de 2017, quando foi instituída a Lei do Novo Ensino Médio, número 13.415/2017, passando pela adesão da Seduc em 2018, até a finalização do Currículo de Sergipe e Proposta Pedagógica em 2020. Pela proposta, as principais mudanças que o Novo Ensino Médio serão as 1.800 horas de Base Nacional Comum Curricular (BNCC) e, no mínimo, 1.200 horas de itinerários formativos. Ela listou também que os principais desafios para a implementação serão a oferta do mapa de escolas, oferta de cursos profissionais, distribuição dos itinerários, alocação de professores e estimativa de custos.

Por lei, todas as unidades de ensino que ofertam o ensino médio deverão fazer parte do Novo Ensino Médio até 2022. Atualmente, 39 escolas-piloto da rede estadual de ensino já fazem parte, sendo quatro delas do Ensino Médio em Tempo Integral.

A coordenadora Isabella Silva dos Santos apresentou, ainda, uma proposta de governança com as diversas áreas da Seduc e as principais entregas de cada uma das nove frentes de trabalho. “Considero a reunião de hoje como uma das mais importantes que já tivemos, pois chegamos a um ponto de atenção dos encaminhamentos futuros. Como iremos proceder de agora em diante, estabelecimento de uma governança, mas principalmente, para publicizar o que já temos feito em relação à parte pedagógica, como o Currículo de Sergipe à luz da BNCC”.

O representante da Peers Consulting, Nicolas Dentzuk, apresentou o Simulador, uma ferramenta em que, por meio da inserção de dados e informações, traz uma devolutiva com cenários sobre a quantidade de professores que será necessária, quantidade de salas nas escolas, entre outras informações importantes para a tomada de decisões.

A execução do simulador passa pelo cadastro de dados até a elaboração de cenário em três blocos: distribuição de itinerários, alocação de professores e levantamento de custos. Segundo Nicolas Dentzuk, “os resultados do simulador estão sendo refinados para auxiliarem o plano de implementação”.

Ainda durante a reunião, o presidente do Conselho Estadual de Educação, João Bosco Argolo Delfino, mostrou-se aberto às novas mudanças. “Ficamos aguardando a finalização do Plano e damos todo o apoio para que a rede estadual de ensino dê andamento à implementação do Novo Ensino Médio em Sergipe”, declarou.

Presenças

Estiveram presentes também a chefe de Gabinete da Seduc, Rosilene Santos; os representantes da Peers Consulting, David Orbell e Taís Slav; a diretora do Departamento de Apoio ao Sistema Educacional (Dase), Eliane Passos; a vice-presidente do Conselho Estadual de Educação, Luana Silva Boamorte de Matos; a diretora do Departamento de Inspeção Escolar (Dies), Eliana Borges; a diretora do Departamento de Educação (DED), Ana Lúcia Lima; a diretora da Assessoria de Comunicação (Ascom), Gleice Queiroz; o diretor da Coordenadoria de Informática (Codin), Alexandre Veras; o coordenador do Núcleo Gestor de Escolas em Tempo Integral (NGETI/Seduc), Manoela Ramos, entre outros convidados.

Consed

Como forma de apoio à implementação do Novo Ensino Médio, o Conselho Nacional de Secretários de Educação (Consed) promoverá quatro momentos formativos. O primeiro será realizado na próxima quinta-feira, 12, das 15h30 às 17h30, com o tema "O Plano de Implementação para o Novo Ensino Médio". A webconferência terá como objetivo debater sobre o Papel do Plano de Implementação como documento norteador para implantação do Novo Ensino Médio nas redes estaduais e distrital de ensino, discutindo sobre a importância de construir Planos de Implementação que contenham estratégias viáveis de serem implementadas e que permitam o alcance das metas definidas. A transmissão será aberta pelo link do Youtube: https://www.youtube.com/watch?v=sbpefjze77s.

No dia 17 de novembro, das 15h30 às 17h30, será a vez da Oficina "Articulação intersetorial para as mudanças do Ensino Médio". A oficina visa a capacitar os participantes de modo que entendam, em linhas gerais, as entregas que devem ser realizadas em todas as áreas envolvidas no processo de implantação para elaboração e realização do Plano de Implementação e a relação entre as frentes para as entregas. Ela será voltada para representantes das áreas de Recursos Humanos; Infraestrutura e logística; Pedagógico; Administrativo e Sistemas de TI; Comunicação e Mobilização; e Parcerias;

O terceiro encontro será a Oficina "Estrutura e avaliação do Plano de Implementação", no dia 19 de novembro, das 15h30 às 17h30. A ação tem como objetivo promover discussões sobre parâmetros que induziriam a elaboração de Planos de Implementação consistentes e viáveis e que possibilitariam a avaliação deles, ampliando a probabilidade de as estratégias previstas alcançarem as metas definidas e de as ações serem realizadas. O público-alvo serão as lideranças de Ensino Médio e coordenadores de Etapa Ensino Médio. A última oficina acontecerá no dia 14 de novembro, com o tema “Governança para o Novo Ensino Médio. A transmissão ocorrerá no horário das 15h30 às 17h30, e o encontro terá como objetivos identificar os principais componentes de uma boa governança para a implementação do Novo Ensino Médio; diagnosticar a estrutura da governança para a implementação do Novo Ensino Médio existente na Secretaria; e elaborar um plano de ação para aprimoramento da governança do Novo Ensino Médio na Secretaria.


Tags: Sergipe SE Novo Ensino Médio