NOTÍCIAS

Sergipe 15:47, 9 ago 2017 Secretaria de Educação de Sergipe atinge marca de 244 escolas com Programa Escola Eficiente

Escola Eficiente em Aracaju Eliane Borges, coordenadora Escola Eficiente Escola Eficiente em São Cristóvão Escola Eficiente em Santa Rosa de Lima
Foto: Maria Odília Seed SE

Até o momento, o projeto elaborado pela Secretaria de Estado da Educação capacitou 728 cursistas, entre gestores, coordenadores pedagógicos e secretários escolares de Aracaju e do interior do estado. Projeto visa preparar gestores no aspecto da legislação escolar

Por Avelar Mattos

O Governo de Sergipe desenvolve e executa o Projeto Escola Eficiente por meio da Secretaria de Estado da Educação (Seed). Desde que foi apresentado pelos técnicos do Departamento de Inspeção Escolar (DED/Dies), inicialmente na Secretaria Municipal de Nossa Senhora do Socorro, em março de 2017, já capacitou 728 cursistas, entre gestores, coordenadores pedagógicos e secretários de 244 escolas das redes estadual e municipal de ensino.

"A principal relevância do projeto está em preparar equipes diretivas, técnicos das regionais de ensino e das secretarias municipais de educação de Sergipe no aspecto da legalidade da instituição de ensino, com vivências na formação através de oficinas. É um projeto criado e formatado pela Seed em 100% e a nossa avaliação é altamente positiva nesses primeiros meses de execução", ressalta a diretora do Departamento de Inspeção Escolar da Seed, Eliana Borges.

Durante as oficinas promovidas pela Secretaria de Estado da educação, os participantes preenchem corretamente, de maneira prática, os documentos escolares dos alunos; montam processos de autorização e conhecimento das escolas e entendem mais sobre a regularização da vida escolar dos alunos.

"Além de estreitar os laços com as equipes gestoras das unidades de ensino das redes estadual e municipal", disse Borges. A diretora do Dies fez questão de enfatizar que o Projeto Escola Eficiente foi nascido, criado do fazer e pensar dos técnicos do Departamento de Inspeção Escolar da Seed, sem nenhum custo financeiro para a Secretaria.

"A importância do projeto para a escola consiste na aquisição da competência do saber observar a unidade de ensino através do olhar da legalidade, para os alunos é estudar numa escola eficiente do ponto de vista da legalidade vigente e, para a sociedade, é a compreensão de que a escola está cumprindo a sua função social, através da documentação escolar expedida, garantindo cidadania aos alunos", disse Eliana Borges.

Capacitação

Nesta quarta-feira, 9, técnicos do Dies/Seed, estão no município de Itabaiana, capacitando gestores, coordenadores pedagógicos e secretários escolares de 42 unidades de ensino da Diretoria Regional de Educação 3, que engloba os municípios de Frei Paulo, São Domingos, Macambira, Ribeirópolis, Aparecida, Moita Bonita, Malhador, Campo do Brito, Pinhão, Pedra Mole, Carira, Areia Branca, São Miguel do Aleixo e Itabaiana.

Desde que foi lançado, no dia 24 de março de 2017, o projeto já foi apresentado nas DREs 6, 1, 2, 3 e DEA, além das Secretarias Municipais de Educação de São Cristóvão, Nossa Senhora do Socorro, Santa Rosa de Lima e Rosário do Catete.

No Município de Santa Rosa de Lima, 21 cursistas participaram do treinamento promovido pela Seed, atingindo a média de avaliação da capacitação de 9,7. Outros municípios e DRE´S também conseguiram excelentes índices de avaliação: Rosário do Catete, nota 9,26; DRE 1, nota 9,0; DEA, nota 8,18; e DRE 02, nota 8,17. Até o momento,  728 cursistas já foram capacitados pela Seed.

Avaliação

A capacitação ocorre em momento único, envolvendo todos os participantes. A abertura é feita por técnicos do Dies, que evidenciam a importância da legalidade para os que fazem a unidade de ensino. "Logo após, os participantes são divididos em grupos, salas separadas e são trabalhadas três temáticas: legalidade e processos autorizativos, instrumentais de registro da vida escolar do aluno e diário de classe", explica Eliana Borges.

Segundo ela, a ação é desenvolvida através de oficinas em que cada mediador, diretora e técnicos do Departamento de Inspeção Escolar, proporcionam aos participantes experimentar diversos aspectos trabalhados, com vivências reais do cotidiano escolar.

No final da capacitação, todos os cursistas preenchem um formulário de avaliação, respondendo algumas perguntas que servirão de embasamento para a melhoria das ações implementadas pela Seed/Dies.


Tags: Legislação Sergipe SE Capacitação