NOTÍCIAS

Tocantins 09:35, 5 set 2017 Projeto desenvolvido no CEM Bom Jesus é premiado em mostra científica de Faculdade

Foto:

Josélia de Lima/Governo do Tocantins

Um projeto realizado pela equipe de Orientação Educacional no Centro de Ensino Médio Bom Jesus, em Gurupi, foi premiado na Mostra Científica realizada no 8º Encontro da Psicologia promovido pelo Centro Universitário de Gurupi (Unirg), no período de 28 de agosto a 1º de setembro.

O projeto de orientação vocacional está sendo desenvolvido no CEM Bom Jesus, por meio de uma parceria com a Faculdade de Psicologia da Unirg, em que os acadêmicos do 7º período desenvolvem atividades de orientação e pesquisa com os alunos da 3ª série do ensino médio.

O trabalho teve o objetivo de auxiliar os jovens na descoberta e superação das dificuldades no que se refere à escolha da profissão.

A educadora Genilda Andrade Santana, orientadora educacional do CEM Bom Jesus, explicou que é uma ação planejada no Projeto Político Pedagógico da escola e que percebeu que os alunos participantes estão mais motivados com relação à escolha profissional. “Alguns alunos não têm noção do que vão fazer depois que concluírem o ensino médio, por meio do projeto, eles recebem orientação, participam de testes e de dinâmicas e, com isso, eles vão identificando profissões nas áreas de conhecimentos que têm mais facilidades. Percebemos que eles ficaram mais seguros”, afirmou Genilda.

O trabalho de orientação educacional é coordenado pela professora e psicóloga Kennya Santos Teixeira, da Unirg. Kennya explicou que, como a procura pela participação no projeto foi grande, houve a necessidade de realizar uma seleção, em que o aluno responderia o porquê desejava participar do processo de orientação educacional. “No CEM Bom Jesus, encontramos apoio para desenvolver o nosso trabalho. Essa interação entre alunos universitários com os estudantes do ensino médio foi uma forma de os acadêmicos praticarem as teorias que estão aprendendo e poderem ajudar os alunos a fazerem suas escolhas. Foi um trabalho gratificante”, contou Kennya.

A diretora da escola, Lêda Maria Tomazi, também ressaltou a importância do projeto. “Como ofertamos o ensino integral, aproveitamos as atividades referentes ao Projeto de Vida dos alunos, para discutir com eles, suas escolhas para a vida profissional. E também convidamos os pais para acompanharem seus filhos nesse processo. Em cada fase participam 15 alunos”, contou.

Para a estudante Susane Sena Carvalho, 17 anos, participar do projeto foi muito significativo. “Estava sentindo uma pressão para escolher a área em que irei me profissionalizar. Estava com receio de optar por um curso e depois não gostar. Com os testes, entrevistas e dinâmicas tive a certeza das minhas escolhas. Pretendo fazer Direito, agora o meu foco está voltado para me preparar mais para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e estou mais animada para estudar”, frisou.

A próxima fase do projeto começará no dia 20 de outubro, com a palestra intitulada “Qual a sua vocação?”, com a psicóloga Kennya. No dia 27, começará a aplicação da entrevista inicial e dos testes psicológicos para descobrir a maturidade para a escolha profissional.


Tags: Tocantins TO REGIÃO NORTE