NOTÍCIAS

Tocantins 19:00, 2 dez 2020 Parceria entre UFT e Seduc oferece Curso de Extensão em Atendimento Educacional Especializado para professores das redes públicas

Curso é aberto para professores que já atuam na educação especial e para quem pretende trabalhar na área Paola Bruno enfatiza que a constante atualização profissional é determinante para a promoção da socialização das pessoas com deficiência
Foto: Divulgação Dicom Seduc

Curso ofertado tem foco nas Deficiências Intelectual e Múltipla Sensorial e será realizado no Ambiente Virtual de Aprendizagem

Núbia Daiana Mota/Governo do Tocantins

Professores das escolas públicas do Tocantins, podem se inscrever, até o dia 11 de dezembro, para o Curso de Extensão em Atendimento Educacional Especializado (AEE) com foco nas Deficiências Intelectual e Múltipla Sensorial. O curso é gratuito, tem carga horária 180 horas e é ofertado pela Universidade Federal do Tocantins (UFT) em parceria com Secretaria de Modalidades Especializadas de Educação Ministério da Educação e Cultura (MEC) e a Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc).

Serão disponibilizadas 500 vagas e a seleção dos inscritos se dará pela ordem de inscrição e de acordo com a quantidade de vagas ofertadas. Para participar é necessário acessar a página da UFT por meio do seguinte link. O curso será realizado no Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) da UFT e será desenvolvido em seis módulos para a discussão dos aspectos que envolvem a Educação Especial na perspectiva da Educação Inclusiva.

Conforme a gerente de Educação Especial da Seduc, Paola Regina Martins Bruno, o curso gratuito para professores das redes municipal e estadual de ensino proporciona oportunidade de agregar conhecimento aos educadores que atuam na educação especial, ou desejam trabalhar nessa área.

“É de suma importância que estejamos sempre nos capacitando. Quanto mais os professores estiverem preparados, maiores as perspectivas de inclusão e de integração social dos nossos alunos. A educação especial busca minimizar as barreiras e promover a socialização das pessoas com deficiência intelectual e múltipla”, enfatizou Paola Bruno.

Mais informações podem ser obtidas pelo e-mail: aee@uft.edu.br.


Tags: Tocantins TO