17:57, 21 ago 2015
Magistério

Mais de 70 mil professores fazem prova de Valorização pelo Mérito a partir do domingo (23)

Foto: A2img/Rafael Lasci

Aprovação no exame garante aumento de 10,5% no salário dos servidores

A Educação aplica, a partir deste domingo (23), a primeira etapa da Prova de Valorização pelo Mérito 2015. Desta vez, 73.406 servidores do quadro de magistério da rede estadual terão a oportunidade de realizá-la. O exame garante 10,5% de reajuste no salário base, evolução de faixa salarial e é válido a professores, diretores e supervisores das 91 Diretorias de Ensino. O edital de convocação e locais de prova estão disponíveis no Diário Oficial do Estado.

Na manhã do dia 23, a partir das 8h, devem comparecer aos municípios sedes das Diretorias de Ensino os professores de PEB I e PEB II (categoria Educação). À tarde, às 14h, a prova será aplicada ao suporte pedagógico (supervisor e diretor) e PEB II de Educação Especial. Para realização do certame, os candidatos devem apresentar documento original com foto (RG, carteira de trabalho, passaporte, carteira de habilitação). Cópias e protocolos, mesmo autenticados, não serão válidos.

No outro domingo, dia 30, será a vez dos professores de Educação Básica II, nas disciplinas de Língua Portuguesa, Inglês, Alemão, Espanhol, Francês, Italiano, Japonês, Arte, Educação Física, Matemática, Ciências Físicas e Biológicas, Biologia, Física, Química, História, Geografia, Filosofia, Sociologia e Psicologia. Os candidatos devem se apresentar até às 13h.

Nas duas datas os inscritos terão um prazo total de 4 horas para responder 60 questões, de múltipla escolha, sobre formação específica por campo de atuação, e uma dissertativa correspondente à formação pedagógica.

Requisitos para prova e bibliografia

A Prova de Valorização do Mérito é aberta aos integrantes do quadro do magistério enquadrados nas faixas 1, 2 e 3 e querem evoluir para as etapas subsequentes. Além disso, para participar da prova, é preciso ter cumprido o intervalo mínimo de três anos no exercício do cargo ou da função, atuar em uma mesma unidade de ensino ou administrativa há pelo menos 876 dias e somar, no mínimo, 1.728 pontos de assiduidade.

Do Portal da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo

Compartilhar

Outras Notícias