NOTÍCIAS

Espirito Santo 13:59, 9 fev 2015 Intercâmbio Sedu: alunos contam experiências em outros países

Foto:

O Governo do Espírito Santo criou o Centro Estadual de Idiomas (CEI) para a oferta de línguas estrangeiras para os alunos do ensino médio da rede pública estadual, com bom desempenho e frequência esco

Estados Unidos, Canadá, África do Sul, Argentina. Quem não gostaria de poder viajar para estes países, conhecer suas culturas, participar de variadas atividades, estudar e tudo isso de graça? Os alunos da rede estadual de ensino que frequentam os Centros Estaduais de Idiomas (CEIs) têm essa oportunidade. Atualmente, 32 deles estão no Programa de Intercâmbio da Secretaria Estadual de Educação (Sedu).

Luísa Pedrada, da Escola Estadual Clóvis Borges Miguel, Aline dos Passos Silva, da Escola Estadual Hunney Everest, Iane Rocha de Souza, da Escola Estadual Renato Pacheco, e Kathyllen Bezerra dos Santos, da Escola Estadual Professora Hilda Miranda, estão no Canadá há quatro meses estudando na modalidade High School. “Estou no programa de voluntariado de um hospital e é uma das minhas tarefas preferidas. Cuidamos dos idosos que estão lá, fazemos chás, conversamos, lemos histórias, fazemos brincadeiras, é muito divertido. Costumo ir duas vezes por semana”, conta Luísa Pedrada.

A estudante Aline dos Passos Silva também está muito envolvida no programa. “Participo de um clube da escola, que faz trabalho voluntário na comunidade para ajudar os necessitados. Recentemente, fui escolhida para integrar a equipe de basquete da minha escola e tive a oportunidade de conhecer outras cidades, tudo praticando um dos meus esportes favoritos”, relatou.

Já Iane Rocha de Souza fala sobre a família que a acolheu (host family). “Eles são ótimos, sempre perguntando como foi meu dia e dispostos a me levar aonde eu precisar. Aqui, tenho novas irmãs. Elas são divertidas e nos damos muito bem. Minha host mother e eu estamos sempre conversando sobre livros, filmes, como as coisas são no Brasil e como está indo minha vida com eles. Meu host father é super educado e me trata muito bem”, contou.

E os intercambistas têm uma rotina pedagógica muito intensa. É como descreve a aluna Kathyllen Bezerra dos Santos. “As disciplinas que estou estudando aqui são: Global Geography, sobre catástrofes naturais, poluição, pobreza, características de países desenvolvidos e subdesenvolvidos, e como os seres humanos estão relacionados a cada um dos temas; Mathematics, onde estudo finanças e análises de gráficos; Human Biology, sobre as células do corpo humano, assim como os sistemas orgânicos e os órgãos de uma forma muito mais detalhada; English, onde estudo literatura e interpretação; e Physical Education, onde tenho que praticar e aprender um esporte diferente a cada mês, como futebol, basquete e vôlei”.

Outros

Mateus Alves Barbosa retornou recentemente do Intercâmbio Sedu, na modalidade curso intensivo de Língua Inglesa na África do Sul, e conta um pouco da experiência. “Além de estudar, ajudei crianças nas aulas de Educação Física e também realizei entrega de comida para moradores de rua. O país mudou a minha vida e adquiri uma bagagem cultural incrível”, destacou. 

Ele ainda lembra que em Vila Velha já desenvolvia trabalho voluntário. “Participava de um projeto chamado English Volunteer, e ensinava a língua inglesa para adolescentes e jovens de uma escola pública. É por isso que trabalho voluntário é a minha vida. Sinto muito amor por ajudar ao próximo”, ressaltou.

Os intercambistas Flaviane Rodrigues, da Escola Estadual Professor João Loyola, Julia Nipes, da Escola Renato Pacheco, Letícia Gomes, da Escola Luiz Manoel Vellozo, e Weldo Rodrigues de Oliveira, da Escola Estadual Arnulpho Mattos, que conquistaram bolsa do Intercâmbio Sedu na modalidade curso intensivo de Língua Espanhola, vivenciaram diversos momentos de aprendizado na Argentina. “Participamos do Clube de Espanhol, para treinar a língua com jogos e atividades recreativas, e também assistimos a filmes, para praticar e aprender mais sobre a cultura local. Além disso, participamos de passeios interessantes na província de Córdoba, visitamos a cidade, seus museus e centros históricos”, contou o aluno Weldo.

Renato Martine, da Escola Estadual Fernando Duarte Rabelo, frequentou o High School nos Estados Unidos e destacou suas atividades. “A comunidade organizava a limpeza das ruas do bairro e eu ajudava. Também era membro ativo de uma igreja. Na escola, estudamos diversas disciplinas e entre elas estavam Physics Honor, cujos conteúdos abordavam Física para engenharia, baseado no programa da Louisiana Tech University; Health, que é Educação Física teórica e Biologia voltada para o corpo humano, exercícios físicos e saúde em geral; e Act Prep, aulas que ensinam como funciona o vestibular americano e seus conteúdos. Diferentemente do Brasil, em que o Enem é constituído de várias matérias, aqui é basicamente Língua Inglesa, Matemática e Raciocínio Lógico”, contou.

Idioma e Intercâmbio

O Governo do Espírito Santo criou o Centro Estadual de Idiomas (CEI) para a oferta de línguas estrangeiras para os alunos do ensino médio da rede pública estadual, com bom desempenho e frequência escolar. O objetivo é propiciar aos estudantes a oportunidade de aprendizagem de um segundo idioma para uso nas diversas situações em que seu conhecimento é necessário. O Intercâmbio Sedu é uma ação que tem o objetivo de possibilitar a estudantes CEIs que possuem bons resultados no curso, a oportunidade de concorrer a vagas de estudo no exterior e aprimorar o idioma estudado.


Tags: Gestão Escolar Espirito Santo Portal Intercâmbio ES