NOTÍCIAS

Bahia 14:54, 1 set 2017 Fanfarras de escolas estaduais da Bahia intensificam ensaios para o desfile de 7 de Setembro

Foto: Claudionor Jr. - Ascom/Educação Bahia

A bela praia de São Thomé de Paripe, no Subúrbio Ferroviário de Salvador, serviu de cenário, nesta sexta-feira (1º) para o ensaio de fanfarras escolares da rede estadual para o desfile cívico do 7 de Setembro. O Colégio Estadual João Caribé foi o anfitrião da atividade que também marcou a 5ª Etapa do Intercolegial de Bandas da Bahia, envolvendo as fanfarras dos Colégios Estaduais Raul Sá, Helena Magalhães e  Pedro Ribeiro, além do Centro Estadual de Educação Profissional em Gestão e Negócios Navarro de Brito.

Ao todo, mais de 750 estudantes integrantes de 66 Fanfarras Escolares da rede estadual irão participar do desfile cívico na capital e no interior. A atividade, que é organizada pelas Forças Armadas, também conta com o envolvimento direto de 100 gestores, instrutores e técnicos da Secretaria da Educação do Estado da Bahia. Nas escolas estaduais, as fanfarras desempenham um papel pedagógico, se consolidando como um ambiente de aprendizagem e de incentivo ao protagonismo estudantil.

Os estudantes já estão na expectativa do desfile. É o caso de Greiciane Silva, 17, 8ª série do João Caribé. “Estou muito ansiosa e animada. Desfilar na fanfarra é um momento único que leva um ano de ensaio e dedicação. Estou muito feliz porque foi aqui nesta família musical aprendi a ter mais união com meus colegas e a ter mais comprometimento com os estudos”, revelou a aluna, que toca prato no grupo. A colega Gisele Aquino, 15, 1º ano, que atua como baliza, acrescenta: “É muito emocionante desfilar na linha de frente e ver as pessoas nos admirando e aplaudindo. Estou na banda há um ano e, desde então, já aprendi muito, principalmente em relação à união e o respeito que devemos ter sempre com os nossos colegas, os nossos professores e as nossas famílias”.

Integração
Além dos estudantes das fanfarras dos colégios estaduais, desfilaram pelas ruas de São Tomé de Paripe duas unidades da rede particular do Ensino Fundamental: Centro Infantil Educacional e Escola Líder do Saber. O regente Hermival Rego fala sobre esta integração. “Ao integrarmos os colégios, estamos buscando resgatar o amor dos estudantes pelas fanfarras. Por meio desse trabalho lúdico, os alunos se tornam agentes transformadores de sua realidade. Para isto, criamos o projeto ‘A Escola abraça a Comunidade’, que visa, justamente, essa aproximação, sendo a unidade escolar responsável por promover essa integração”.

A diretora do Colégio Estadual João Caribé, Rosilane Gomes, concorda que as fanfarras são importantes instrumentos para integrar a escola e a comunidade. “Este evento aqui, hoje, é também uma integração da escola com a comunidade. Quando as fanfarras passam pelas ruas do bairro, as famílias param para ver seus filhos desfilarem. Os pais conseguem enxergar nas fanfarras um instrumento de melhoria do processo de ensino e aprendizagem de seus filhos”, comenta.

Já o estudante Tayrone Gomes, 18, 8ª série, diz que a participação na Fanfarra do Colégio Estadual Raul Sá, tem sido fundamental para a sua formação cidadã. “Estou há apenas um ano no grupo e já melhorei muito o meu comportamento em sala de aula. Estou mais disciplinado, não falto aula e mais interessado em estudar graças ao incentivo que recebemos na fanfarra”, destaca.

Tags: Consed Bahia Gestão Escolar Portal Gestão da Educação Rede Educação BA Portal da Educação Escolas Semana da Pátria Fanfarras