NOTÍCIAS

Tocantins 08:48, 11 ago 2020 Estudantes da rede estadual de ensino destacam a importância do retorno das aulas de forma não presencial

A estudante Wilka Vitória Silva destacou que o momento requer um processo de adaptação diante dos desafios A diretora da Escola Estadual Novo Horizonte, Marisa Aparecida Alves, destacou que o retorno das aulas trabalha com a proposta de aprendizagem e o cuidado com a saúde Planejamento e determinação, essas são palavras de ordem para o estudante Valter Alves Nogueira Os materiais são retirados nas unidades de ensino ou na rota do transporte escolar
Foto: Katriel Bernardes/Governo do Tocantins

Semanalmente, os estudantes da 1ª e 2ª série do Ensino Médio recebem roteiros de estudos e materiais elaborados pelos professores

Cláudio Paixão/Governo do Tocantins

Estudantes da 1ª e 2ª série do Ensino Médio, da rede estadual de ensino tocantinense, retornaram às aulas nessa segunda-feira, 10, com atividades não presenciais. Nesse modelo de ensino, o roteiro de estudos de cada disciplina, construído pelos professores, e o material já estão disponíveis por meio de ferramentas tecnológicas ou podem ser retirados nas unidades de ensino, na versão impressa, pelos estudantes ou responsáveis. Os estudantes que utilizam o transporte escolar recebem o material nos pontos de ingresso nas rotas.

O retorno das aulas de forma não presencial ocorreu, inicialmente, para os estudantes da 3ª série, em 29 de junho, e integra o cronograma de retomada das aulas na rede estadual proposto pelo Governo do Tocantins, por meio da Secretaria de Estado da Educação, Juventude e Esportes (Seduc). O planejamento é focado nos seguintes pilares: a segurança dos profissionais de educação e dos estudantes; o respeito à diversidade da comunidade escolar; a garantia do ano letivo para os estudantes da 3ª série, ainda no ano civil 2020; a garantia da conclusão do ano letivo para todos os estudantes, independente do calendário civil; e a garantia de que o ano letivo de 2021 transcorra independente do ano 2020.

“Estamos trabalhando para garantir a continuidade do calendário letivo, assim como para garantir a segurança dos estudantes e profissionais. Estamos vindo da experiência com a 3ª série, que teve uma boa aceitação e, agora, prosseguimos com as demais turmas do ensino médio. É um trabalho que envolve a equipe da Seduc, que realiza as formações e os profissionais que estão lá na ponta, fazendo um belíssimo trabalho na elaboração dos materiais e na entrega, com segurança, para os estudantes”, destacou a titular da Seduc, Adriana Aguiar. 

O novo formato das aulas, de acordo com a estudante Wilka Vitória Silva, requer um processo de adaptação para que os desafios sejam superados. Ela é aluna da 1ª série da Escola Estadual Novo Horizonte, em Palmas, e quer se formar em Direito. “Tudo depende do estudo. Se eu quero algo na vida, eu tenho que correr atrás. Hoje, temos as aulas a distância e, se aproveitarmos, teremos muito a aprender. Estamos nos adaptando às ferramentas tecnológicas que colocam muitos conhecimentos à nossa disposição”, destacou.

Planejamento e determinação, essas são palavras de ordem para o estudante Valter Alves Nogueira do 2ª série do ensino médio, da Escola Estadual Novo Horizonte, nesse novo formato de ensino. Ele tem 17 anos e, futuramente, quer se formar em Engenharia Civil. “Eu não parei de estudar, organizei meus horários de estudo, faço revisão de conteúdo e esses questionários e o auxílio dos professores vão ajudar muito. Muita gente deixou de estudar com a suspensão das aulas e agora com esse retorno é um incentivo para mais alunos voltarem a estudar”, ponderou. 

Cuidados

De acordo com a diretora da Escola Estadual Novo Horizonte, Marisa Aparecida Alves, o retorno das aulas trabalha com duas direções. “Temos a preocupação com a manutenção do processo de ensino e aprendizagem dos estudantes, por meio de uma nova metodologia e, assim, como ocorreu durante a realização das aulas para os estudantes da 3ª série, estamos seguindo todos os cuidados com a manutenção da saúde dos nossos alunos, especialmente no momento da entrega dos materiais impressos, com a higienização das mãos, uso de máscaras, limpeza e organização do espaço, entre outras ações”, explicou.

A gestora também destacou algumas dinâmicas para manter o contato da unidade de ensino com os estudantes. “Tivemos a preocupação de manter o contato pelas redes sociais – grupos de WhatsApp, Instagram, Facebook. E, na entrega dos materiais, estamos com a dinâmica dos envelopes, em que os estudantes depositam suas expectativas nesse retorno das aulas. São iniciativas que evidenciam a importância do aluno e motivam o protagonismo deles nesse momento que estamos atravessando”. 


Tags: Tocantins TO #SeducTo