NOTÍCIAS

Esporte 14:26, 6 ago 2019 Estudantes da rede estadual de Alagoas brilham no judô e handebol

Luiz Filipe e o técnico Ricardo Sérgio exibem medalha Seleção alagoana campeão da Copa Nordeste Professores e alunos da Geraldo Melo no grupo campeão
Foto: Ana Paula

Jovens trouxeram medalhas para Alagoas no Brasileiro de Judô, no Rio de Janeiro e Copa Nordeste de Seleções Cadete de Handebol, em Maceió

Texto de Ana Paula Lins


Estudantes da rede estadual brilharam no esporte neste final de semana, trazendo medalhas importantes para o esporte alagoano. No Rio de Janeiro, na Arena Olímpica Deodoro, o estudante Luiz Filipe Alves, da Escola Estadual Theonilo Gama, trouxe bronze para Alagoas no Brasileiro Sub 18 de Judô, enquanto a seleção de handebol cadete masculina – que conta com oito alunos da Escola Estadual Geraldo Melo – conquistou ouro inédito para o estado na Copa Nordeste de Seleções.

é a quarta medalha de Luiz Filipe – um dos mais técnicos judocas alagoanos – em campeonatos nacionais de judô. Em 2017, ele também foi ouro na etapa infantil dos Jogos Escolares da Juventude (JEJ) em Curitiba. Atualmente, ele treina pelo Clube Cepa Judô, que conta com a participação de alunos da Theonilo Gama e do Cepa e tem apoio da Federação Alagoana de Judô (FAJU).

O garoto é um dos vários talentos revelados pelo professor Ricardo Sérgio Santos no projeto de judô iniciado na Escola Estadual Theonilo Gama, no Jacintinho, há treze anos. “São, ao todo, 12 medalhas conquistadas em competições nacionais nestes últimos anos”, contabiliza Ricardo Sérgio, coordenador do projeto e coordenador técnico adjunto da FAJU.

Treinamento - Além do Brasileiro Sub 15 e Sub 18, a equipe alagoana também participa, até o dia 06, do Treinamento de Campo promovido pela Confederação Brasileira de Judô (CBJ). No grupo, além de Luiz Filipe, estão os judocas Hemily Lopes (Clube JR Bushido e aluna do Colégio Saint Germain), Manuela Carnaúba (Clube Samurais e aluna do SEB), Nataniel Florentino (Clube Instituto Andrade e aluno da Escola de Ensino Fundamental Hugo Lima, de Arapiraca) e Wedson de Assis (Clube Senshi e aluno da Escola de Educação Básica Monsenhor Hidelbrando Veríssimo Guimarães, de Campo Alegre).

“Agora, o próximo desafio desses atletas será a etapa estadual dos Jogos Estudantis de Alagoas, o Jeal”, adianta Ricardo, que foi técnico e chefe da delegação alagoano no Rio de Janeiro.

Ouro inédito – O final de semana ainda foi marcado por uma conquista inédita para o esporte alagoano, o ouro para a equipe masculina na Copa Nordeste de Seleções Cadete de Handebol, que movimentou o Ginásio do Sesi, em Maceió, no período de 30 de julho a 03 de agosto. Nesta competição, promovida pela Confederação Brasileira de Handebol (CBHb) em parceria com a Federação Alagoana de Handebol (FAHb), Alagoas ainda conquistou a prata com a seleção feminina.

Na equipe masculina, oito atletas são da Escola Estadual Geraldo Melo, campeã das duas últimas edições dos Jogos Estudantis de Alagoas (Jeal). A seleção masculina teve duas equipes competindo no evento: a equipe A, que foi ouro e a B, que conquistou o sexto lugar – e que teve a presença de mais três atletas da escola estadual.  O grupo foi comandado pelos professores Daniel Felippu, do Colégio Contato e Bruno Pessoa, da Geraldo Melo. A escola estadual também foi representada pelo auxiliar técnico Rodrigo Zuza.

Três estudantes da Geraldo Melo – Michael Quintino, Erisvaldo Barbosa e Jackson Santos – também figuraram na seleção dos melhores do evento, que ainda contou com a participação de outros dois alagoanos – Pedro Dué, do Colégio Dinâmico e João Igor Santos de Albuquerque, do Colégio Contato. Da seleção feminina, a estudante Gabriela Rodrigues Tavares, do Colégio Madalena Sofia, representou Alagoas na seleção das melhores da competição.

“Este resultado de um trabalho de dois anos: ano passado, fomos vice-campeões e, este ano, conseguimos o ouro em casa. Esperamos que este título inédito seja um marco para a virada do handebol alagoano”, afirma o técnico Daniel Felippu.

O atleta Michael Quintino, aluno da Geraldo Melo e eleito melhor lateral esquerdo da competição, destacou a importância do título. “Estivemos focados e treinamos muito, fomos campeões invictos vencendo equipes muito fortes. Este título, dedicamos a todos os que apoiaram a seleção alagoana. E nós, da Geraldo Melo, dedicamos essa vitória também ao professor Bruno Pessoa, que é como um segundo pai para nós”, frisa o garoto.

Novos desafios – Bruno e Zuza, ambos da Geraldo Melo, celebram a conquista inédita para o estado, mas lembram que a equipe não terá tempo para comemorações, já que tem outros dois campeonatos importantes pela frente.

“Daqui a 20 dias, a Geraldo Melo disputará a seletiva estadual para o campeonato da Confederação Brasileira de Desporto Escolar vamos representar Alagoas na etapa regional dos Jogos Escolares da Juventude , os JEJ, em Natal, no final de setembro”, adianta Bruno.

Zuza destaca que a Copa Nordeste também funcionou como uma prévia dos Jogos Escolares da Juventude, onde as melhores equipes de handebol, futsal, basquete e vôlei se enfrentarão em busca de vaga para a fase estadual, que será disputada em novembro, em Blumenau, Santa Catarina.

“Na Copa Nordeste tivemos equipes que reencontraremos, desta vez defendendo as suas escolas, em Natal. Com certeza, o excelente nível técnico da competição nos prepara ainda mais para a disputa dos JEJ”, avalia Zuza.


Tags: Alagoas AL Esporte judo Handebol