NOTÍCIAS

Secretaria de Estado de Educação de Minas Gerais 11:14, 13 jun 2019 Estado e municípios mineiros atuam juntos na implementação do Currículo Referência de Minas Gerais

Estado e municípios mineiros atuam juntos na implementação do Currículo Referência de Minas Gerais

Tema foi discutido durante o 26º Fórum Estadual da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime)

Durante o último ano, Estado e os municípios mineiros construíram juntos o Currículo Referência de Minas Gerais. O documento, elaborado a partir da Base Nacional Comum Curricular (BNCC), foi o resultado da revisão dos currículos de todas as redes educacionais. Agora está na hora de iniciar o processo de implementação do conteúdo do documento nas escolas mineiras. Devido a sua importância, o tema foi discutido, nesta quarta-feira (12/6), no 26º Fórum Estadual da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime).

Intitulada “Formação de professores na perspectiva da implementação da Base Nacional Comum Curricular (BNCC)”, a mesa redonda contou com a participação da subsecretária de Educação Básica da Secretaria de Estado de Educação (SEE), Geniana Guimarães.

Ela destacou que, para a implementação do Currículo dar certo, as redes estadual e municipais devem trabalhar juntos. “A implementação do currículo só vai ser legítima e só vai sair do papel se a gente conseguir fazer uma boa formação. Estamos estruturando para que possamos garantir momentos presenciais de formação. Para isso, precisamos fazer com que o regime de colaboração entre redes municipais e rede estadual realmente aconteça”, ressaltou.

Para que a formação seja efetiva, as prefeituras têm até o dia 15 de junho para indicar os nomes dos articuladores locais. Eles organizarão as formações locais, fazendo interlocução entre as equipes regionais e municipais. A indicação deve ser feita por meio do preenchimento do formulário eletrônico disponível no link: https://forms.gle/A3REAf9hmDB4miyx5.

“Precisamos que vocês façam a indicação dos servidores que atuarão nas formações. Só assim vamos conseguir chegar em cada uma das escolas. Precisamos unir as forças para pensar em uma efetiva formação. Esses profissionais serão essenciais para nos ajudar nesse processo”, concluiu Geniana.

Avaliações educacionais

A subsecretária também esteve presente na mesa que discutiu os resultados do Sistema Mineiro de Avaliação e Equidade da Educação (Simave). Ela lembrou da importância de se desenvolver ações a partir dos resultados das avaliações. “Precisamos amadurecer a discussão refere às devolutivas. Mais importante do que o resultado em si é a pactuação das ações posteriores aos resultados”.

Já a coordenadora de Pesquisa em Avaliação do Centro de Políticas Públicas e Avaliação da Educação da Universidade Federal de Juiz de Fora (CAEd/UFJF), Hilda Micarello, ressaltou que é preciso pensar as avaliações a partir do Currículo Referência. “Esse momento é fundamental, porque ele nos desafia a pensar como as avaliações se colocam em diálogo com essas novas proposições curriculares”.

Em Minas Gerais, além da rede estadual de ensino, escolas municipais de 852 cidades mineiras também fazem as provas do Programa de Avaliação da Alfabetização (Proalfa) e do Programa de Avaliação da Rede Pública de Educação Básica (Proeb), que compõem o Simave.

Currículo Referência de Minas Gerais

O Currículo Referência de Minas Gerais é resultado de um ano de intenso trabalho em regime de colaboração entre a SEE e a Undime-MG. Ele foi homologado no final de 2018. O ano de 2019 é de transição e dedicado à formação dos profissionais da educação e estudo do Currículo Referência. Já em 2020, ele estará efetivamente nas escolas.


Tags: MG Undime Secretaria de Estado de Educação de Minas Gerais seemg