18:44, 19 fev 2016
Zika Zero

Escolas estaduais da Bahia são mobilizadas na luta contra o Aedes Aegypti

Foto:

No Dia Nacional de Mobilização da Educação contra o Aedes Aegypti (19/02), os estudantes do Colégio Estadual Helena Matheus, no bairro e São Cristóvão, em Salvador, participaram de um “Diálogo-aula”. A iniciativa intensifica nas escolas estaduais as ações de prevenção e combate ao mosquito transmissor da zika, dengue e chikungunya.

O “Diálogo-aula” contou com as presenças do secretário Binho Marques, do Ministério da Educação, dos secretários estaduais da Educação, Osvaldo Barreto e da Saúde, Fábio Vilas-Boas, dos reitores Naomar Filho, da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB), e João Carlos da Silva, da Universidade Federal da Bahia (Ufba) e o Coronel Costa Neto representou as Forças Armadas.

Os estudantes fizeram apresentações de Hip Hop e de poesia para falar sobre a prevenção e o combate ao mosquito, mostrando ações que já vêm sendo realizadas na escola, por meio de projetos em diferentes áreas do conhecimento. Durante a atividade, estudantes, professores e funcionários receberam uma cartilha contendo orientações sobre medidas preventivas e de como acabar com os focos do mosquito para serem distribuídas aos vizinhos, amigos e familiares.
   
O secretário de Articulação com os Sistemas de Ensino do Ministério da Educação, Binho Marques, destacou que “o dia de hoje é um momento de esforço de todo o País e todos estão envolvidos em uma campanha para que a gente possa enfrentar algo que depende de cada pessoa, da mobilização de cada um porque vários esforços estão sendo feitos no sentido de compreender melhor como é a propagação dessas doenças através desse vetor, que é o Aedes Aegypti”.

Para o secretário da Educação do Estado, Osvaldo Barreto, a campanha nacional reforça as ações que estão sendo desenvolvidas nas escolas estaduais. “O combate ao mosquito é uma responsabilidade de cada cidadão. E entendemos que a escola, como espaço de construção da cidadania, pode dar grande contribuição. Estamos fazendo uma parceria muito forte com a Secretaria da Saúde do Estado, que orienta as nossas ações, aproveitando a grande capacidade de mobilização dos estudantes, formando uma grande rede nesta luta contra o mosquito”, destaca.

O secretário da Saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas, disse que “é a partir do trabalho de uma geração que nós iremos conseguir vencer esse mosquito. Nós precisamos conscientizar desde as crianças até os jovens para que eles façam a grande virada assim como fizemos no combate ao tabagismo”.

Estudantes se engajam na mobilização junto às famílias
Os estudantes estão envolvidos na luta contra o mosquito. Alessandra Lima dos Santos, 10 anos, do 6º ano, do Colégio Helena Matheus, fala sobre a consciência e mobilização de todos. “Estou muito contente por ter criado um poema junto com meus colegas e que serve de alerta para a sociedade sobre os riscos causados pelo Aedes Aegypti”, comenta.
 
Caroline Brito, 16 anos, que cursa o 2º ano, diz que estará ainda mais envolvida com a causa. “É muito importante que cada estudante e cidadão faça a sua parte, repassando as informações para que a sociedade se reeduque e comece a se mobilizar adotando medidas preventivas para acabar com os focos do mosquito”, afirma.

Quem também está na luta pelo mosquito é a cozinheira Maria José Barbosa dos Santos. “Esta é uma causa que precisa da participação de todos e eu faço a minha parte mantendo lixeiras e caixa d’água sempre fechadas, além da limpeza dos vasos de plantas e também evito deixar garrafas de vidro expostas para não acumular água”, explica.

No Subúrbio
Na próxima quarta-feira (24), uma grande ação será desenvolvida no Colégio Estadual Tereza Helena Mata Pires, no Alto do Cabrito, em Salvador. A iniciativa do Programa Ciência na Escola, da Secretaria da Educação do Estado, será desenvolvida em parceria com a Fiocruz. A partir das 7h30, os estudantes irão realizar passeatas, visitar casas vizinhas às escolas e em uma carreta da Fiocruz será possível fazer a observação microscópica de larvas do mosquito.

Compartilhar

Outras Notícias