NOTÍCIAS

Santa Catarina 16:27, 23 out 2015 Encontro Educação Fora da Caixa lança iniciativas para inovação no ensino em SC

Foto: Foto - Osvaldo Nocetti

Evento realizado nesta quinta-feira, 22, em Florianópolis, elencou tendências e apresentou soluções tecnológicas para as escolas do futuro

Como inovar em um contexto de alunos nascidos no século XXI, professores nascidos no século XX e escolas que muitas vezes remetem ao século XIX? Quais as competências do educador e o papel da escola do futuro? Como conceber um escola sem turmas em série, onde smartphones são parte do cotidiano de aprendizagem?

As três questões, ocuparam palestrantes e grupos de debate no Encontro Nacional de Inovação na Educação, com o tema Educação Fora da Caixa, que mobilizou 350 educadores durante esta quinta-feira (22/10), no Centro de Inovação ACATE - CIA Primavera. O evento promovido pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável de Santa Catarina (SDS), a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), a Rede Catarinense de Inovação (RECEPETi) e a Vertical Educação da ACATE também teve o objetivo de apresentar os resultados do primeiro diagnóstico e portifólio do Cluster de Inovação na Educação pela melhoria do ensino em Santa Catarina.

Sob a articulação da SDS, RECEPETi e ACATE, o Cluster mapeou durante um ano demandas e soluções para inovar na educação em Santa Catarina. A mobilização envolve empresas de base tecnológica, governo e instituições de ensino do Estado.

"A consolidação do portifólio de soluções tecnológicas para a educação catarinense foi a etapa de descoberta. Realizamos benchmarking internacional, mapeamento de empresas, de demandas da educação no Estado, reunimos os atores e conseguimos organizar uma cadeia produtiva para desenvolver as questões demandadas", explica Silvio Kotujansky, diretor da Vertical Educação e gestor do Cluster.

Na visão do secretário do Desenvolvimento Econômico Sustentável de Santa Catarina, Carlos Chiodini, a atuação das empresas em conjunto com instituições de ensino e governo ampliam o potencial de retorno à sociedade.

"O Cluster terá a importante função de complementar necessidades da educação, voltadas a ferramentas para o aprimoramento. Mas também traz oportunidades para nossos empreendedores das diversas empresas de base tecnológica desenvolverem seus negócios", avaliou.

O presidente da RECEPETi, Rui Luiz Gonçalves, justificou a investida no setor com um olhar para o futuro: "Educação é matéria prima para a inovação. Precisamos investir nela ao máximo para garantir a sustentabilidade e a criação de novos negócios nos próximos anos", afirmou.

Sala de inovação mostrou produção tecnológica de SC

Os resultados do portifólio catarinense foram demonstrados pelas empresas da Vertical Educação da ACATE na sala da inovação montada para o evento. Softwares e ferramentas para gestão educacional, uso pedagógico, prototipagem e robótica puderam ser experimentados pelos professores e gestores participantes do evento. 

Para o secretário de Estado da Educação, Eduardo Deschamps, as iniciativas atendem a uma demanda urgente em todo o país. "A educação brasileira precisa desesperadamente de soluções inovadoras. Não dá para resolver problemas que se avolumam com soluções tradicionais", declarou.

Nova plataforma gratuita para os professores no Estado

A Secretaria de Estado da Educação, apoiadora do Encontro, assinou termo de cooperação com a Fundação Telefônica Vivo e passa a disponibilizar gratuitamente aos educadores a plataforma Sala Web, um site com mais de cinco mil ideias e práticas educacionais multidisciplinares para aplicação em sala de aula. Além de poderem consultar e interagir com os autores das práticas, educadores catarinenses poderão submeter suas práticas à avaliação para que sejam compartilhadas com todo o país. 

Sobre a proposta, Diego Calegari, diretor de Ciência e Tecnologia da Secretaria de Estado da Educação reforçou: "Viemos aqui para falar de práticas. Precisamos mostrar que é possível e que não custa caro fazer uma educação inovadora para o século XXI".

Experiências do mundo discutidas no CIA 

O workshop internacional “Tecnologias para Coaprendizagem: o uso de recursos móveis e pesquisa coletiva” lotou duas salas de webconferência no CIA, ministrado a partir da Open University, na Inglaterra, pela professora brasileira Alexandra Okada.

Nas arquibancadas do Centro de Inovação ACATE, as Rodas de Aprendizagem envolveram especialistas de escolas referência em inovação no país, assim como professores do departamento de Engenharia e Gestão do Conhecimento da Universidade Federal de Santa Catarina (EGC/UFSC). As temáticas incluíram criatividade, educação imersiva, redes sociais, inovação na formação de professores, fablabs e escolas do futuro.

O Encontro Nacional de Inovação na Educação – Educação Fora da Caixa teve como apoiadores: Secretaria de Estado da Educação (SED), Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC), Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC), Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (FAPESC), Instituto Internacional de Inovação (I3), Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (FIESC) e Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE-SC).

Tags: Santa Catarina SC Educação Fora da Caixa