NOTÍCIAS

educomunicação 17:29, 25 ago 2015 Duas escolas de Jaciara/MT receberão projeto de Educomunicação

Foto:

As escolas estaduais Antônio Ferreira Sobrinho e Milton da Costa Ferreira, em Jaciara (a 140 km de Cuiabá), estão na lista das unidades escolares que receberão o projeto piloto 'Educomunicação Cultura Científica, outros saberes e cotidiano escolar', que será implantado em oito escolas da rede estadual. A iniciativa é da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), em parceria com a Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT). 

Na última quarta-feira (19.08), equipes da Seduc e da UFMT promoveram um encontro com cerca de 80 pessoas, entre estudantes e professores das unidades escolares. Enquanto em uma sala gestores e professores conheciam o projeto, apresentado pelo professor doutor Dielcio Moreira, idealizador e responsável por sua implantação, os alunos batiam um papo com estudantes de Comunicação Social da UFMT sobre como se dará na prática o seu desenvolvimento. Os dois grupos debateram, tiraram dúvidas e compartilharam opiniões sobre o uso pedagógico de aparelhos eletrônicos em sala de aula e a importância da educomunicação no processo de aprendizagem. 

Serão desenvolvidas oficinas de produção e edição de imagens, textos e vídeos, de produção de entrevistas, de ética e de responsabilidade nos meios de comunicação, de educação ambiental, entre outras. Na proposta, quem deverá determinar o melhor conteúdo para as produções midiáticas será a própria comunidade, a partir do jovem protagonista, que serão incentivados a trazer o conhecimento do dia-a-dia para a rede, a vivência da comunidade para dentro da escola e para a internet, como forma de compartilhar, trocar experiências e ampliar horizontes. 

A coordenadora de Projetos Educacionais da Seduc, Mariana Máximo, explica que a equipe da UFMT mediará o processo de produção, de planejamento, passando pela autoria, até a veiculação, favorecendo a produção de conteúdos que respeitem a cultura e pluralidade cultural local. 

De acordo com ela, a intenção é fazer com que a escola ofereça espaços de autonomia criativa para o estudante. "Esse estímulo pode potencializar a comunicação comunitária, a gestão da comunicação e do conhecimento no espaço escolar, assim como a integração entre a escola e a comunidade. São formas de tornar público o que se produz dentro e fora da escola", avalia. 

As oito unidades escolares participantes do projeto são dos municípios de Cuiabá, Santo Antônio de Leverger, Acorizal, Jangada e Jaciara. Elas foram selecionadas a partir de uma metodologia de pesquisa que leva em consideração contrapontos como localidades (urbano e campo), bem como unidades com e sem experiência em projetos de educomunicação.​


Viviane Saggin
Assessoria Seduc/MT

Tags: MT seducmt educomunicação ufmt