NOTÍCIAS

Tocantins 11:20, 15 jun 2018 Com escolas decoradas estudantes dão um show de patriotismo e sonham com o hexa

Foto:

Thaís Souza 

Às vésperas da seleção brasileira entrar em campo, o clima de torcida começa a surgir nas Escolas da rede estadual do Tocantins. Por todo o Estado, unidades de ensino capricharam na decoração para convocar alunos e professores a torcer pelo Brasil, ao mesmo tempo em que promovem o aprendizado sobre os países que disputam a Copa do Mundo de 2018.

Nesta quinta-feira, 14, a comunidade da Escola Estadual Rachel de Queiroz realizou atividade de abertura dos jogos do mundial de futebol.  Com apresentações artísticas e exposição de pesquisa alusiva aos países participantes da Copa do Mundo deste ano, as turmas foram divididas para estudarem os 32 países. Após o estudo, confeccionaram bandeiras e por meio de cartazes apresentaram as principais características de cada local.

Além do Hino Nacional, os estudantes realizaram apresentações de dança, coreografias do Balé Popular, e a estudante Maria Jeniery Gomes cantou a música Por um Sueño, da cantora mexicana Thalía. A aluna destacou a importância do evento e do estímulo da equipe em ampliar a participação de todos, estimular o patriotismo e tornar este período emocionante.

Sobre a música apresentada por Maria Jeniery Gomes, a estudante pontou que há uma dose de incentivo à crença no Brasil. “A letra estimula a esperança, a raça, os sonhos e, principalmente, a valorização do que há de bom em nós”.

A diretora Katilce de Souza Guedes explicou que o evento é uma ação simbólica que visa despertar o patriotismo dos estudantes e trabalhar ações pedagógicas. Pois, divididos em grupos, os alunos estudaram a história de todos os países que participam da competição.  “A grande jogada é torcer, torcer e vibrar, integrar, compartilhar alegria e respeitar um ao outro”, disse.

Com tranças coloridas, as estudantes Kamila Vieira, Rafaela Monteiro, Maryana Aires, Eloísa Souza e Luiara Monteiro chamaram a atenção no evento. Kamila Vieira da Silva enfatizou que o objetivo era fazer diferente. “Nós somos brasileiras e temos orgulho disso. Queremos representar nosso País, e mostrar o nosso entusiasmo a todos”.

No Rachel de Queiroz, assim como em inúmeras unidades estaduais, os alunos tomaram uma iniciativa bem comum neste período: enfeitaram os prédios, vestiram a camisa e encorparam a torcida do Brasil na Copa do Mundo. Por todo o Estado, as cores verde, amarelo, azul e branco deram um novo tom ao local. 


Tags: Tocantins TO Copa Seduc Tocantins