NOTÍCIAS

Jovem Senador 16:17, 19 out 2015 Aluna de Cáceres representa MT no Jovem Senador 2015

Aluna de Cáceres representa MT no Jovem Senador 2015
Foto: José Cruz / Agência Senado

Andressa Costa da Silva, 17 anos, aluna da Escola Estadual União e Força, em Cáceres (a 210 km de Cuiabá), é a representante de Mato Grosso no projeto Jovem Senador 2015. A estudante conquistou a classificação com a redação "Comprometimento político, questão de ética e saber" e está entre os 27 selecionados – um de cada Estado e do Distrito Federal – de um universo de 84.769 redações apresentadas nesta edição. 


A legislatura tem início com a posse dos jovens senadores, dia 17 de novembro, no Senado Federal, seguida pela eleição da Mesa e se encerra com a aprovação dos projetos e a consequente publicação deles no Diário do Senado Federal.

 
Na fase de classificação, pela Secretaria de Estado de Educação de Mato Grosso (Seduc-MT), três redações passaram para a etapa nacional. Junto ao texto de Andressa, classificado em primeiro lugar estadual, foram enviados: "Protagonismo jovem e a conexão política" produzido por Maria Emília Macedo de Lima da Escola Estadual São José do Rio Claro, de São José do Rio Claro, que ficou com o segundo lugar no estado; e "Participar também é poder" de Rafaella Moura de Oliveira, da Escola Estadual Desembargador Milton Armando Pompeu de Barros, de Colíder, que garantiu o terceiro lugar estadual.

 
Ao todo, o Jovem Senador contou diretamente com o apoio de 6.045 professores orientadores. Os professores orientadores das redações selecionadas serão premiados com uma viagem a Brasília. Eles acompanharão os alunos participando de uma programação específica na capital.

 
Na etapa nacional, as redações classificadas em 1º, 2º e 3º lugares são dos estados de Minas Gerais, Acre e Sergipe. Os primeiros colocados nacionais foram escolhidos pela comissão julgadora do Senado. Antes disso, os textos passaram por duas seleções: uma na escola e outra na Secretaria de Educação do Estado e do Distrito Federal. Os alunos receberão premiações durante a programação.

 
Histórico

Andressa é a terceira aluna da escola União e Força a ser finalista no projeto Jovem Senador. Em 2014, a representante de Mato Grosso, Nathalia Lima Janones, era da mesma escola e conquistou o primeiro lugar nacional no concurso com a redação "Se eu fosse Senador".

 
A diretora da unidade escolar, Soli Alves de Oliveira, conta que todos alunos são incentivados a produzir textos com temáticas políticas e de atualidades. "Geralmente, na primeira etapa de seleção realizada na escola elencamos as redações como atividades avaliativas, então os alunos são levados a pensar sobre esses assuntos com um incentivo imediato, a pontuação".

 
Assim, os 900 estudantes matriculados na escola são envolvidos nas atividades interdisciplinares que contam com a participação dos professores das áreas de Língua Portuguesa, História e Geografia.

Dois projetos de Lei do Senado foram elaborados a partir de sugestões de participantes do Programa Jovem Senador. No fim do ano passado, eles foram aprovados e encaminhados à Câmara dos Deputados. Um deles, o PLS 467/2012, que determina que estudantes com baixo rendimento escolar sejam incluídos em plano de recuperação especial, surgiu de ideia da "jovem senadora" Rafaela de Souza e Silva da Escola Estadual Desembargador Milton Armando Pompeu de Barros, de Colider, que participou do programa em 2011, representando Mato Grosso.

 
De acordo com o texto, os sistemas de ensino precisam identificar, até o final do primeiro bimestre letivo, os estudantes dos ensinos fundamental e médio com baixo rendimento ou baixa frequência para incluí-los no plano de recuperação. O plano prevê a ampliação do horário escolar, a visita de educadores ao ambiente familiar e, quando necessário, a assistência psicológica aos estudantes. 


*Com assessoria do Senado Federal

ALINE COELHO
Assessoria/Seduc-MT


Tags: Jovem Senador MT