NOTÍCIAS

Tecnologias Educacionais 17:32, 28 mai 2018 Acessos à Plataforma Protagonismo Digital dão um salto nos primeiros quatro meses deste ano

Foto:

Desde setembro de 2017, a Secretaria de Estado de Educação (SED) oferece a estudantes, professores, gestores e comunidade geral a plataforma Protagonismo Digital, um espaço aberto e gratuito, criado para contemplar recursos digitais voltados ao processo de aprendizagem. A SED então fomentou a participação ativa da Rede Estadual de Ensino, no cadastramento e criação ou sugestão de Objetos Digitais de Aprendizagem (ODA) e de Planos de Aprendizagem e a formação de grupos de estudos

O projeto nasceu de uma parceria com a Escola Digital (plataforma mãe) que disponibilizou a plataforma customizada com as especificidades de Mato Grosso do Sul, disponível www.protagonismodigital.sed.ms.gov.br. Com o nome de Protagonismo Digital, a plataforma com mais de 6 mil Objetos Digitais de Aprendizagem e mais de 20 mil usuários cadastrados. Em janeiro deste ano, a Protagonismo Digital contabilizou 388 acessos. Em abril, este número saltou para 15.957 buscas de conteúdo.

Para a secretária de Estado de Educação, Maria Cecilia Amendola da Motta, a plataforma segue a premissa de trabalho da SED, com o protagonismo e a autoria. “A Protagonismo Digital dá essa possibilidade de produção de conteúdo por toda a comunidade escolar, uma vez que foi desenvolvida para agilizar e tornar mais confiável a busca por conteúdos pedagógicos, reunindo em um só espaço animações, jogos, simuladores, aplicativos, entre outros tipos de recursos digitais, que podem ser utilizados gratuitamente”, explica.

O coordenador de Tecnologia Educacional, Paulo Cezar Rodrigues dos Santos, aponta que o resultado dos processos estratégicos e das ações desenvolvidas, bem como a organização da equipe proporcionaram à Protagonismo Digital o atendimento às metas estabelecidas no Contrato de Gestão/2017. “O sucesso dessa Plataforma ocorre devido ao comprometimento de todos os envolvidos, desde os primeiros planejamentos das ações a serem desenvolvidas, perpassando pela sua implementação, até chegar aos procedimentos estabelecidos”, afirma.

Escola Digital

A Escola Digital foi criada em 2013 pelo Instituto Inspirare, Instituto Natura e Fundação Telefônica Vivo e tem materiais de todos os componentes curriculares da educação básica, com recursos selecionados pela TIC Educa – empresa especializada em pesquisar e desenvolver soluções para aulas interativas inovadoras, utilizando os mais modernos recursos tecnológicos visando garantir alta qualidade pedagógica e está responsável pela curadoria do projeto Escola Digital.

A plataforma foi apresentada durante o 3º Fórum de Governadores do Brasil Central 2016, em Palmas (TO), aos governadores de Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Goiás, Tocantins, Rondônia e do Distrito Federal. O governador Reinaldo Azambuja e a secretária de Estado de Educação, Maria Cecilia Amendola da Motta, aderiram à proposta, visando inovar no uso de tecnologias educacionais nas escolas da Rede Estadual de Ensino de Mato Grosso do Sul.

Próximos Passos

A Coordenadoria de Tecnologia Educacional da SED, em parceria com a Rede Escola Digital, tem um Plano de implementação para 2018, com detalhamento dos objetivos e ações para a Protagonismo Digital. O cronograma contém detalhamento em seis frentes: curadoria, formação de professores, governança, mobilização, monitoramento e melhorias da plataforma. 


Tags: Mato Grosso do Sul MS Tecnologias Educacionais